10/07/2019 - 20:23

Início das obras da barragem do Ribeirão do Piraí pode ser liberado

Em reunião com o deputado federal Herculano Passos, Ministro do Desenvolvimento Regional sinalizou positivamente para o começo da primeira etapa de construção.

O entrave para o início das obras da barragem do Ribeirão do Piraí pode ser solucionado, em breve. Nesta quarta-feira, 10, o deputado federal Herculano Passos (MDB-SP) esteve com o Ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, buscando a liberação do início da primeira parte da obra.

Desde 2010, estão garantidos R$ 57 milhões para a construção da barragem. Parte já foi usada para pagamento de desapropriações e elaboração do projeto executivo. No entanto, para fazer a obra toda, são necessários outros R$ 73 milhões, que o Governo Federal não tem previsão de disponibilizar. “Ocorre que, como ainda não está garantida essa segunda para do recurso, não é permitido começar a primeira, mesmo já tendo o dinheiro. O que fomos pedir ao ministro é que seja retirada essa proibição e que a construção da barragem possa começar”, explicou Herculano.

Canuto se mostrou favorável ao pleito e se comprometeu a conversar com a equipe técnica para buscar uma solução ao problema. Também participaram da reunião o presidente do Consórcio do Piraí, prefeito José Geraldo Garcia, de Salto, e o prefeito Nilson Alcides Gaspar, de Indaiatuba. Também fazem parte do Consórcio os municípios de Itu e Cabreúva.

A barragem do Ribeirão do Piraí deverá ser construída na divisa dos municípios de Itu e Salto e o projeto prevê 386 metros de comprimento, 15 metros de altura, espelho d’água de 1,3 km² e capacidade para armazenar nove bilhões de litros de água. A obra garantirá a ampliação do volume de captação dos municípios da região.